Você sabe o significado da Quarta-feira de Cinzas?; entenda

“Eis o tempo favorável, eis o dia da salvação” (2 Cor 6,2). Com as palavras do Apóstolo Paulo, a Igreja inaugura mais uma vez o Sagrado Tempo da Quaresma com a Celebração da Quarta-feira de Cinzas.

Na Santa Missa que marca o início da caminhada quaresmal, a Santa Mãe Igreja impõe sobre seus filhos o sinal muito significativo das cinzas, recordando a fragilidade de nossa existência, ao tempo que nos lembra da grandeza da misericórdia de Deus, indispensável para a caminhada de conversão proposta pela Quaresma.

A Quaresma é justamente o tempo favorável para a conversão, para a mudança de pensamento e de atitudes, uma vez que nos prepara para a maior e mais solene de todas as festas cristãs: a Páscoa.

São 40 dias (da Quarta-feira de Cinzas até à Missa da Quinta-feira Santa, ou in Coena Domini, exclusive; excetuando-se também os domingos que são, por natureza, dias de celebrar a Ressurreição do Senhor) nos quais a Igreja é chamada a viver um itinerário de provas e de experiência com seu Senhor, como nos apresenta a Sagrada Escritura (cf. Gn 8,6 a espera de Noé depois do dilúvio; Ex 24,18 a permanência de Moisés no monte; Js 5,6 os quarenta anos de permanência de Israel no deserto; 1 Rs 19,8 Elias caminha durante quarenta dias; sem falar os quarenta dias que Jesus passou no deserto antes de iniciar sua missão – Mt 4,1-11). De modo que a Quaresma é um tempo de preparação dos cristãos para que celebrem renovados a Festa da Páscoa.

Para este itinerário, a Igreja apresenta, logo no início da Quaresma, três atitudes interiores na luta contra o mal: oração, jejum e esmola.

Com as palavras do Prefácio V da Quaresma, rogamos a Deus que todos tenhamos um santo e fecundo tempo de conversão e de retorno aos braços do Pai:

“Pai Santo, vós abris de novo à Igreja o caminho do Êxodo, através do deserto quaresmal, para que, aos pés da montanha santa, de coração contrito e humilhado, tome consciência da sua vocação como povo da aliança, reunido para cantar o Vosso louvor, escutar Vossa palavra e viver a experiência admirável dos Vossos prodígios.”

Santa e abençoada Quaresma!

06/03/2019

(Visited 3 times, 1 visits today)